Geopark Naturtejo da Meseta Meridional

O Geopark Naturtejo da Meseta Meridional é uma zona com 4.600 km2 de evidente interesse histórico-cultural e rica em biodiversidade, com vasto património geomorfológico, geológico, paleontológico e geomineiro.

Uma zona composta por diversos sítios geológicos de relevante importância e inegável beleza, de evidente interesse histórico-cultural e rica em biodiversidade, foi o ponto de partida para a criação do primeiro geoparque natural português. Com 4.600 km2, que abrangem os concelhos de Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Nisa, Oleiros, Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão, o Geopark Naturtejo da Meseta Meridional, com vasto património geomorfológico, geológico, paleontológico e geomineiro, foi integrado na Rede Europeia de Geoparques e mereceu já a atribuição de prémios nacionais e internacionais.

Com 16 geomonumentos identificados num cenário marcado pela generosidade da natureza, o Geopark Naturtejo da Meseta Meridional oferece aventura todo o ano. Os icnofósseis de Penha Garcia, o tronco fóssil de Perais, a mina de ouro romana do Conhal do Arneiro ou a cascata das Fragas da Água d’Alta são apenas alguns exemplos dos monumentos naturais que este local, com 600 milhões de anos, abriga.

Geomonumentos a visitar no Geoparque Naturtejo da Meseta Meridional:

  • Monumento Natural das Portas do Ródão (Vila Velha de Ródão / Nisa)
  • Parque Icnológico de Penha Garcia (Idanha-a-Nova)
  • Portas de Almourão (Proença-a-Nova / Vila Velha de Ródão)
  • Inselberge graníticos de Monsanto – Moreirinha – Alegrios (Idanha-a-Nova)
  • Meandros do Rio Zêzere (Oleiros)
  • Canhões fluviais do Erges (Idanha-a-Nova)
  • Morfologias graníticas de Castelo Velho (Castelo Branco)
  • Blocos pedunculados de Arez-Alpalhão (Nisa)
  • Mina de ouro romana do Conhal do Arneiro (Nisa)
  • Escarpa de falha do Ponsul (Nisa / Vila Velha de Ródão / Castelo Branco / Idanha-a-Nova)
  • Cascata das Fragas da Água d’Alta (Oleiros)
  • Rota das Minas de Segura (Idanha-a-Nova)
  • Miradouro geomorfológico das Corgas (Proença-a-Nova)
  • Antigo complexo mineiro de Monforte da Beira (Castelo Branco)
  • Troncos Fósseis de Perais (Vila Velha de Ródão)
  • Garganta epigénica de Malhada Velha (Oleiros)

Além destes monumentos da natureza, há também os monumentos edificados, igrejas, museus, castelos e aldeias com história, e a incrível riqueza da fauna e flora do Tejo Internacional para explorar.

Nas Rotas do Geopark

Integrado numa região riquíssima do ponto de vista do património natural, o Geopark beneficia da existência do Parque Natural do Tejo Internacional, de áreas protegidas da Rede Natura 2000, das Important Bird Areas (IBA) e ainda da proximidade de parte das Aldeias do Xisto e das Aldeias Históricas. Não admira que tenha a capacidade de disponibilizar um leque diversificado de rotas organizadas sob os temas Natureza, Aventura, Património, Bem-Estar e Cultura, Ouro, para além das rotas especiais relacionadas com o calendário de eventos da região.

Encare cada rota como um novo desafio e venha experimentar os passeios pedestres, as actividades desportivas, os programas de observação de aves ou os passeios históricos no mais relevante destino de geoturismo do centro de Portugal.

Birdwatching no Geopark Naturtejo

Cegonha-preta , águia-imperial, grifo, águia-de-bonelli, abutre-negro, melro-azul, abutre-do-Egipto, chasco-preto, ganga, cortiçol-de-barriga-negra, abetarda, sisão, alcaravão, grou, rolieiro, calhandrinha e calhandra-real. Se estes nomes não lhe são estranhos, é possível que ande a sonhar com a oportunidade de ver algumas destas aves no seu habitat natural. No Geopark Naturtejo da Meseta Meridional é possível observar algumas das espécies mais raras e emblemáticas da Península Ibérica a sobrevoarem uma paisagem de cortar a respiração.

Uma Escola ao ar livre

Numa área tão extensa há muitas lições a aprender. E que melhor forma de tirar partido do habitat do Tejo que levar os alunos a experienciar algumas das mais belas manifestações da ciência e do património português? No Geopark Naturtejo da Meseta Meridional os professores têm ao seu dispor inúmeras visitas didácticas, disponíveis para alunos do ensino secundário e superior, sobre as temáticas das geociências e do ambiente. Venha estudar o que a natureza tem para lhe oferecer.

Return to the top