Santar Vila Jardim é um projeto único no Centro de Portugal, fundado pela família Vasconcellos e Souza, herdeira da Casa dos Condes de Santar e Magalhães, que decidiu em 2013 apostar na preservação e valorização do seu património material e imaterial, com um projeto pioneiro em Portugal, no qual fez questão de associar outras casas importantes da Vila de Santar, assim como a Misericórdia.

Inserida numa região vinhateira, a vila de Santar possui a particularidade única de ser atravessada por terraços de jardins em contínuo: Casa dos Condes de Santar e Magalhães, Casa da Magnólia, Jardim da Igreja da Misericórdia, Jardim dos Linhares, Casa Ibérico Nogueira, Casa das Fidalgas entre outras casas, que tanto a montante como a jusante, debruçada sobre jardins de vinhas que marcam fortemente o carácter do lugar e o modus vivendi das suas gentes.

O projeto consiste em enobrecer e valorizar esta mais ampla singularidade, que se estende urbanisticamente em todos os recantos, deixando o visitante ser guiado pelos seus segredos, as suas paisagens e os seus encantos.
Sob a orientação do paisagista Fernando Caruncho, foram definidas estratégias de intervenção para promover ligações entre os diversos espaços.

Faz parte deste projeto um boutique hotel de luxo, que decorre do restauro e renovação da propriedade da Família Real Bragança, Casa das Fidalgas, que abrirá as suas portas no próximo ano.

A Santar Vila Jardim singular e inovador que pretende reforçar o carácter identitário da paisagem e expressar uma narrativa: visitar Santar, vila histórica, através dos seus jardins.